O impacto da tecnologia em excesso na relação familiar

0 Flares Facebook 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

Que a tecnologia veio para facilitar e agilizar em muito a nossa vida, não temos dúvida.

Mas será que damos conta do tempo que ficamos preso a elas, usando o celular, tablet, tv, laptop, seja para trabalhar ou mesmo distraindo.

Pesquisas mostram que o excesso pode trazer impacto comportamental para as crianças, porque atrapalha momentos essências nas famílias, como nas refeições, brincadeiras e conversas, entre outras atividades.

Muitas vezes esses momentos são interrompidos ou nem acontecem, devido ao uso excessivo das tecnologias.

Por isso aumenta o risco das crianças terem comportamentos como birras, manhas e hiperatividade para chamarem atenção dos pais.

E o que fazer

Que tal fazer algumas atividades em conjuntos e deixar um pouco a tecnologia de lado, para evitar que atrapalhe a relação entre pais e filhos.

Priorize as refeições, hora de dormir, quem sabe contar uma bela história, evite o celular neste momento para que haja realmente uma interação.

Monitore ou se policie quanto ao uso de celular, principalmente quando estiver com os filhos, as vezes, nem se percebe que já passou de um limite seguro.

Entenda em qual momento, realmente é importante o uso das tecnologias, se for algo estressante, como por exemplo, algum assunto do trabalho, prefira fazer, quando estiver longe das crianças ou se afaste, se possível para resolver aquele assunto.

Algumas pesquisas mostram que os filhos de pais que utilizam as tecnologias em excesso, apresentam comportamento de rejeição.

impacto da tecnologia em excesso na relação familiar

E atenção com os bebês!

Se você está constantemente mexendo no celular perto do seu bebê, já pensou que está deixando de interagir com ele.

A Academia Americana de Pediatria (AAP) alerta sobre os efeitos devastadores que o uso intenso do celular pelos pais pode causar nos bebês.

Porque se você não se comunica com ele, deixa de estimulá-lo no aprendizado de se comunicar e desenvolver as suas habilidades sociais e de interação.

Aproveite para brincar, cantar e desenvolver atividades que estimule o bebê, o tempo passa tão rápido.

Vale a pena deixar a tecnologia de lado e curtir este momento que só vai trazer benefícios para o seu bebê.

Além disso, somos exemplos para nossos filhos, como ditar regras para eles com uso de tecnologia se os pais também estão se excedendo nesse limite.

Já pensou se o filho começa a ter um menor desempenho escolar ou um comportamento diferente e você percebe que não está dando a devida atenção.

E a segurança

Casos de negligência na atenção familiar às crianças e adolescentes em decorrência do uso abusivo dos meios eletrônicos têm se tornado cada vez mais frequentes.

Que tal algumas dicas para fortalecer a relação familiar

Vai algumas dicas para ficar longe do celular quando estiver com seus filhos:

  1. Desenvolvimento, quando mais estímulo damos aos bebês, mas eles se desenvolvem, por isso brinque, faça gracinhas, estimule conversando e curta esse momento.
  2. Com relação as crianças, faça brincadeiras, esteja perto e atenta nos que estão fazendo e como se comportam nas brincadeiras e nas suas atividades.
  3. Estimule a auto estima, dê atenção as coisas positivas que estão fazendo, estimulando o aprendizado e a descobertas de coisas novas, mantenha-se por perto e dê importância para que sinto encorajadas e seguras com a aprovação dos pais.

As crianças precisam sentir que são prioridades, que estamos presentes na vida delas e seguras.

E lembre-se o celular não transmite afeto, um abraço, um beijo, um carinho vai fazer muito bem no vínculo com seu filho.

Sim, a tecnologia é boa para muitas coisas, a reflexão aqui se dá para o tempo em excesso e até que ponto isso atrapalha na relação familiar.

0 Flares Facebook 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

Deixe uma resposta