Dicas para proteger os bebês e as crianças deste calor

0 Flares Facebook 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

Verão! Eu adoro, mas o calor demais também traz muito desconforto para nós adultos, imagina para os bebês e as crianças!

Além disso, este calor demais, pode trazer mal estar e insolação.

Segue algumas dicas para proteger os bebês e as crianças deste calor.

Roupas e Acessórios

Procure deixar o bebê e as crianças com roupas frescas, de preferência de algodão ou malha.

Evite roupas com tecidos sintéticos, porque tendem aumentar a sensação de calor.

Em dias de muito calor, deixe o bebê somente de fralda, mas certifique somente que não haja correntes de ar no ambiente.

Se for usar um chapéu ou bonés com elástico, cuidado para não apertar e atrapalhar a circulação do sangue.

No carrinho, tire todo excesso como mantas e colchões.

Cuidado com o Sol

Somente após os 06 meses é recomendado o uso de protetor solar nos bebês em todas as situações de exposição ao sol ou calor.

Para os bebês com menos de 06 meses, esses ainda não tem a capacidade de metabolizar e excretar as substâncias químicas dos filtros solares que podem ser absorvidas pela pele.

O melhor é evitar o sol nos horários mais quentes (das 10 h até as 17 h), procure lugares cobertos e frescos nas horas de mais calor.

A escolha do filtro solar deve ser baseada no fator de proteção solar (FPS).

Procure passar 30 minutos antes da exposição ao sol e de preferência antes de colocar a roupa.

O protetor deve ser aplicado deixando uma discreta camada esbranquiçada ainda visível, certamente será absorvida pela pele.

Uma criança sem a devida proteção, já pode apresentar queimaduras a partir de 15 minutos de exposição.

O filtro solar deve ser resistente a água, por isso procure reaplicar sempre após o banho, o uso de toalhas ou suor excessivo.

No caso de uma banho de piscina, mar ou cachoeira, é importante reaplicar com maior frequência, visto que a exposição ao sol aumenta.

E atenção, mesmo em dias nublados, os bebês e as crianças devem estar bem protegidos, visto que as nuvens não filtram adequadamente os raios ultravioletas.

Procure sair nos horários do início da manhã ou final da tarde, quando o sol está mais ameno.

Hidratação Adequada

Para os bebês com amamentação exclusiva do leite materno, não precisam tomar água, neste o leite já é o suficiente para hidratá-los.

Mas para os bebês que tomam fórmula infantis, portanto, o aumento de água é necessário, para deixá-lo hidratados.

Cuidado com a procedência da água e o transporte de comidas com este calor.

E para o caso das mamadeiras, deixe para preparar o mamar na hora que for dar.

E o cuidado com a pele

Evite usar cremes e óleos infantis, pois podem contribuir para o aparecimento de brotoejas ou dermatite.

Outra dica, se for se expor no sol, evite cremes de antiassaduras dentro da fralda, para permitir que a pele respire melhor.

Quanto ao uso do talco, algumas mamães utilizam achando que deixam mais frescos, mas o contato na pele com o calor, pode causar irritação e conforto.

Eu costumo usar nos meninos, um talco que parece um creme, chamado Amilia.

Ele é ótimo, é um talco liquido calmante e hidratante.

Refresco com Água

Uma ótima forma de refrescá-los nos dias de muito calor, é um banho fresquinho.

A temperatura da água deve ser compatível com a corporal (36°C). Nos dias mais quentes, a água pode estar um pouco mais morna em torno de (30°C e 32°C).

Para os bebês que já estão sentando, uma dica, é deixar o bebê brincando com a água, seja numa banheira ou piscina dessa inflável com brinquedos, eles vão amar.

Já para as crianças, uma banho de piscina ou até aquele banho de mangueira, que eles adoram.

Cabelos Secos

Evite deixar o bebê ou a criança dormir com os cabelos molhados.

Os fios úmidos facilitam o surgimento de fungos e bactérias e provocam coceira.

E a ventilação

Se você tem um ar condicionado em casa, desligue na hora do banho e só volte a ligar quando o bebê estiver seco e vestido.

Se ele ficar o dia todo num ambiente com ar condicionado, atenção a temperatura, para não ficar muito gelado e melhor deixar com alguma roupinha.

O uso do ar condicionado deve ser em torno de 24°C e atenção a limpeza do filtro.

Um ambiente muito frio deixa a mucosa da garganta mais sensível às bactérias, facilitando o aparecimento de infecções.

Com o ressecamento do ar, uma dica, é colocar um balde de água no quarto ou uma toalha molhada na cabeceira da cama.

O uso do ventilador também é uma boa opção, desde que não fique direto no bebê ou na criança.

Alimentos Leves

O calor diminui o apetite. A dica é oferecer alimentos leves e de fácil digestão.

Frutas ricas em líquidos, como melão e melancia, devem fazer parte do cardápio.

Frutas cítricas como a laranja e limão, são ótimas fontes de Vitamina C e ajudam na redução de rinites.

Cuidado com alimentos embutidos, industrializados e frituras.

Abuse dos legumes e verduras no preparo da comida das crianças.

Para o bebê com aleitamento materno, convém oferecê-lo mais vezes.

Agora é só curtir a companhia dos pequenos!!

0 Flares Facebook 0 Pin It Share 0 0 Flares ×
Anúncios

Deixe uma resposta