Frustração Infantil: como ajudar as crianças a lidar com suas emoções

0 Flares Facebook 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

Resolvi escrever esse post sobre Frustração Infantil, depois de viver uma situação recente com a Lorena.

Toda 6ª feira depois da escola fazemos um programinha das Meninas e ela adora, fica a semana toda na maior expectativa do que vamos fazer.

Na última 6ª feira, tínhamos combinado de ir numa Doceria para comermos um Brownie.

Tive um imprevisto com meu carro e por isso, precisei voltar para casa sem ir na Doceria.

Tentei explicar de todas as formas que o carro tinha tido um problema e que precisávamos voltar para casa antes que escurecesse…olha foi difícil para Lorena entender.

Ficou com raiva, reclamou muito e ficou triste….e aborrecida por horas.

Ela recentemente teve uma excursão da escola que precisou ser adiada, porque havia uma previsão do tempo de muita chuva, o que estragaria todo o passeio, esperaram uma semana, foram e se divertiram.

Dei esse exemplo, mas mesmo assim, ela continuou com raiva, porque naquela 6ª feira teríamos uma mudança de planos.

Fiquei pensando sobre isso…que nem sempre as coisas na vida saem como planejamos não é mesmo!

E como ensinarmos para as Crianças!

Lidando com a Frustração

Aprender a lida com a frustração é importante para as crianças, pois na vida nem sempre todas as nossas vontades serão atendidas e eles precisam lidar com esse sentimento.

Mas isso não quer dizer que precisamos provocar essas situações, mas podemos ajudá-los a lidar com elas.

Tem situações que acontecem de forma natural, como a perda de um familiar, um desgaste familiar e que eles precisam saber.

Em alguns casos, acaba sendo um dos motivos que surge uma birra, porque quando se sente contrariado tende a mudar o comportamento.

Quando mais cedo ensinarmos a lidar com o sentimento da frustração, melhor estaremos preparando para o futuro.

O comportamento dos pais

Tente acalmá-lo, acolha e tente ajudar.

Quando houver uma frustração, acolhe, apoie e dê amor, isso vai ajudar a torná-lo um adulto mais compreensivo.

Muitas vezes como pais, temos vontade de colocar os filhos numa bolha, para que possam viver somente coisas boas.

Mas quando crescerem vão enfrentar desafios que não temos controle, como aquele amor não correspondido que dói muito, um emprego que tanto queira e não foi aprovado.

Tente dar exemplos de algo que aconteceu e que precisou ser num outro momento.

Ele precisa entender desde pequeno que nem sempre as coisas saem como queremos, para saber lidar com esses sentimentos e enfrentar a vida, pois senão irão querer ficar sempre debaixo das asas dos pais.

Temos a vontade de resolver sempre antes que eles passem por essa experiência, mas isso tira a possibilidade deles aprenderem a lidar com essas frustrações.

Entenda os sentimentos da frustração

Não precisamos provocar situações para ajuda-los a lidar com esses sentimentos que a frustração provoca como ansiedade, raiva e outras.

Mas numa situação como a que contei no início do post, podemos aproveitar e ensinar.

Ajudar a criança a lidar com a perda de algo que queria muito, ajuda na formação do desenvolvimento emocional, tornando os mais resilientes, com isso saberão enfrentar melhor os problemas que poderão surgir.

Deixe-o falar o que está sentindo, tente acalmá-lo e acolha com amor.

Na maioria das vezes irão chorar ou ficar com raiva, se mostrar arredio, nesse momento dê atenção, carinho e converse sobre o assunto.

Dicas para ajudar na Frustração Infantil

Conte histórias de superação, se for de alguém que ele conheça ou admire melhor ainda, isso ajudará entender melhor.

Muitas vezes porque são crianças, podemos não dar a importância necessária para eles, quem gosta de passar por alguma frustração.

Se para nós adultos já é difícil, imagina para as crianças lidar com essa situação.

Não o julgue, tente explicar e ajude-o a lidar com sua raiva, choro, tristeza, dê carinho e mostre que está do lado dele.

Mas não precisa dramatizar, descreva para ele o que aconteceu e mostre que você também gostaria que fosse daquele jeito, mas que naquele momento não foi.

Cuidado para não fazê-lo sentir uma vitima.

O choro de uma criança sem parar pode tirar o nosso controle, mas ficar brava nessa hora não vai ser bom para nenhum dos dois, tente manter a calma, respire fundo.

Seja o mais clara possível para que ele consiga entender o que você está explicando, que seja adequada a cada faixa de idade.

A criança com ajuda dos pais, podem aprender a lidar com as frustrações da vida desde de cedo.

Converse com o seu filho e explique que sentir frustração por algo que saiu fora do esperado faz parte da vida e que isso nos torna mais forte e resilientes.

Isso vai contribuir para fortalecer a resiliência, que é um dos fatores mais importantes para o sucesso do adulto ou seja, ele tem a capacidade de “dar a volta por cima”.

Controlar as emoções, assim como lidar com o estresse, fatores fundamentais para um adulto saudável e produtivo.

Tenho uma dica para ajudar na educação, o livro “Crianças Dinamarquesas”.

frustracao-infantil

O livro foi escrito pelas autoras Iben Sandahl, que é coach, escritora e terapeuta da Associação Dinamarquesa de Psicoterapia e a psicóloga norte-americana Jessica Alexander, da Ed. Fontanar.

É excelente para ajudar na educação infantil. Saiba aonde comprar

Anúncios

Deixe uma resposta