História de Pai: Rodrigo e Artur

0 Flares Facebook 0 Pin It Share 0 0 Flares ×

Uau!! Prepare o lenço, mesmo os papais mais durões não vão aguentar com esta história linda.

Rodrigo é meu primo, fomos criados juntos e somos de uma família muito unida.

É uma pessoa sensacional, querido por todos e super amigo, Lorena minha filha, adora ele e a Ila, sua esposa, que é doce e querida. Que casal maravilhoso!!

Sempre sonhou em ser pai e eu tinha certeza que não seria diferente, desse paizão que é hoje para o Artur.

Vamos curtir está história linda e se emocionar.

Quem sou eu?

Meu nome é Rodrigo, hoje faço 36 anos. Sou casado há 5 anos e em março de 2018 realizei o sonho de ser Pai de um lindo menino, Artur chegou às pressas com 35 semanas, mas graças a Deus com saúde e hoje está com 9 meses.

História de Pai - Rodrigo e Artur

O que sentiu quando descobriu que seria pai?

Artur foi programado, nos organizamos para ser pais. Quando minha esposa engravidou descobrimos tão cedo que não conseguíamos ter certeza, até que o Ginecologista confirmou. Foi uma explosão de alegria. Algo tão intenso e grande que quase não cabia no meu peito.

Ser pai pra mim era um sonho e eu estava prestes a realizá-lo. Acompanhei cada ultrassom e a cada dia amava mais e mais aquele ser humaninho.

É um amor que transcende qualquer expectativa.

História de Pai - Rodrigo e Artur

Nascimento?

Como mencionei Artur é apressado, veio antes da hora, com 35 semanas. Minha esposa começou a ter contrações as 3:30 da manhã. Inicialmente nem desconfiávamos que ele estava a caminho. E eis que depois de menos de 5hrs, pouco mais de 8:00 da manhã ele veio ao mundo.

Tenho pavor a sangue mas quis entrar na sala de parto, mesmo dizendo a vida toda que não entraria.

Acredito que a adrenalina e a emoção de ver um filho nascer supera qualquer coisa.

Quando o vi pela primeira vez e escutei aquele choro senti algo que nunca tinha sentido, sem duvidas foi o dia mais Feliz da minha vida.

Parte de mim, ali bem na minha frente, tão pequeno e indefeso. Acompanhei ele sair da sala de parto e a vontade era de ficar perto o tempo todo.

Segredo, quando pegava ele no colo, chorava de emoção. De alguma forma tinha que extravasar todo aquele amor kkkk

Nascimento de bebê

O antes e depois da paternidade?

Confesso que ser pai é trabalhoso, principalmente quando se participa de verdade, porém é muito recompensador.

Antes da paternidade eu tinha uma vida social agitada, sempre gostei de estar com os amigos e a família, além do trabalho que me exige muito, ou seja outras prioridades.

Depois do nascimento do Arturzinho estou aprendendo a me adaptar a realidade dele, e ele virou a prioridade.

Uma missão eterna de troca de aprendizados com objetivo de criar e educar da melhor forma um filho.

História de Pai - Rodrigo e Artur

O que mais gosta de fazer com seu filho?

Antes do Artur nascer eu comecei a ler sobre a paternidade. Certa vez, li sobre o vínculo que a amamentação cria entre mãe e bebê, algo que o pai não pode fazer.

Então busquei algo para também reforçar meu vínculo com ele. Comecei a dar banho no chuveiro!

Mesmo com medo nas primeiras vezes, me arrisquei, e desde os 2 meses, todos os dias tomamos banho juntos. Isso criou um vínculo maravilhoso entre nós. Amo fazer isso com ele.

Vínculo Pai e Filho

O que é ser pai e como você participa?

Ser pai é querer ser o Super Herói de alguém … ou ao menos ser esforçar para isso na maior parte do tempo.

O pai precisa entender que ele não tem que ajudar. O pai TEM responsabilidade de FAZER, afinal de contas o filho é do casal.

Eu procuro fazer tudo, dar banho, comida, cortar unha, brincar, sair juntos só eu e ele. Quando ele tinha 5 meses passou o Dia dos Pais comigo, sem a mamãe.

Sempre quis ser capaz de fazer tudo pelo Artur.

No início até passava as roupinhas dele mas depois contratei alguém kkkkk

Pai que brinca

Pai que brinca

Um desabafo?

Ter filhos é uma grande responsabilidade, muda muito a vida e a rotina e não vou mentir para vocês é imprevisível e exaustivo, porém uma experiência maravilhosa. Um verdadeiro presente de Deus.

Às vezes rezo para ter alguns minutos ou horas a mais de sono.

Família

Uma dica?

Se eu pudesse dar um dica para os Papais, diria “Pai tem que participar”. Fazer parte. Estar presente. Isso que faz a diferença.

O amor se constrói participando, fazendo parte.

Se dediquem a fazer o melhor que puderem pelos seus filhos. Sejam pais participativos.

Quando pai participa e as tarefas são distribuídas ou até mesmo feitas em conjunto, a família se fortalece também.

Frase de Pai

Que relato lindo, vocês não acham! Faça como o Rodrigo, conte pra gente, como você participa da criação do seu filho!! Vem mais história linda ai…

 

 

 

0 Flares Facebook 0 Pin It Share 0 0 Flares ×
Anúncios